A noite de quarta-feira (29) foi de celebração na Câmara Municipal de São Leopoldo. Em reconhecimento aos serviços prestados na área da saúde, em especial no tratamento de combate ao câncer, a Oncologia Centenário foi homenageada em sessão proposta pelo presidente do legislativo, vereador Marcelo Dentinho. Com a presença de funcionários e pessoas que passaram pela Oncologia Centenário para tratamento contra o câncer, a noite também foi de celebração pelos 22 anos de fundação da instituição, celebrados neste 30 de novembro. 

Ao abrir o evento, Dentinho usou a tribuna para destacar o empenho diário de cada colaborador para amenizar as complicações de um tratamento oncológico. “Quando a pessoa recebe o diagnóstico de câncer, recebe também a incerteza se vai, ou não, sobreviver. E quando chega na Oncologia Centenário ela é abraçada desde o primeiro atendimento, dando a certeza que ali terá o melhor atendimento possível neste momento de dúvidas”. 

O oncologista Adalberto Broecker Neto, sócio fundador da Oncologia Centenário, usou a tribuna para contar como surgiu a ideia da clínica. “Montamos uma clínica para tratar câncer com universalização de atendimento, ou seja, toda a população seria atendida, com convênio ou não, sem diferenciação de sala de espera, sem diferenciação de local de atendimento, e isso se tornou factível. A pessoa mais rica pode estar ao lado de alguém que vive em extrema pobreza e vão estar conversando, pois compartilham do mesmo problema”. 

Também sócio, o oncologista Ailzo José da Costa falou sobre o trabalho diário, e a gratidão por ter um grupo de trabalhadores empenhados diariamente em dar o seu melhor em prol das pessoas que estão em busca de uma cura. “O atendimento é cansativo, estressante pela natureza da doença, que pesa tanto nas pessoas. Tentamos trazer-lhes o melhor de conforto e, felizmente, muitas curas. Todo meu trabalho e vivência na clínica é abençoado por um corpo de funcionários comprometidos para com o melhor para atendimento ao paciente e funcionamento da clínica”. 

A noite também teve a fala das funcionárias Rita de Cássia da Rosa, representando a equipe administrativa, e Fernanda Hennemann, representando o corpo técnico. O evento contou com a participação do titular da 3ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana, delegado Eduardo Hartz, amigo do doutor Ailzo, e que usou a tribuna e parabenizou pela preocupação em dar um tratamento igualitário para todos os pacientes. 

Participaram ainda do evento a sócia da Oncologia Centenário, Dra. Débora Cravo Batassini, e o presidente da Fundação Hospital Centenário, Nestor Schwertner. 

Notícias - Ver. Marcelo Dentinho - Paulo Henrique Machado ()

Sistema Legis

Fale Conosco

Rua Independência, 66 - Centro - CEP 93010-001
São Leopoldo / RS
Telefone: (51) 3579-9200
Horário: segunda à sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h.